Quanto custa cancelar um depósito a prazo?

Publicado a 27 Abril 2013

Saiba quanto custa cancelar um depósito a prazo antes do prazo. Prepare-se para saber se vale a pena ou cancelar o depósito a prazo para usar o dinheiro para pagar dívidas. Leia o nosso guia!

Se você tem algum dinheiro na sua conta bancária, mas não está a precisar e está a pensar em investir, o tipo de investimento mais seguro são os depósitos bancárias. Contudo, apesar de ter um retorno garantido e serem uma boa fonte de receita para os bancos, pois esse dinheiro é usado para emprestar dinheiro aos clientes da entidade bancária, o retorno é baixo se você só tiver 1000 euros ou 4000 euros para aplicar.

Embora sejam seguros, se você precisar do dinheiro investido em depósitos bancários antes do prazo de término do contrato? Esse é o problema. Nesse caso, se você quiser tirar o dinheiro antes do produto financeiro expirar, você  tem de fazer um cancelamento antecipado do depósito. A maior parte dos bancos aplicam comissões de cancelamento do depósito a prazo, que em algumas ocasiões podem ser muito elevadas e, além de significar a perda dos juros obtidos até ao presente momento, também inclui a perda de dinheiro.

Por isso, antes de retirar o seu dinheiro do depósito bancário é importante ler bem o contrato, para saber quais são as condições da taxa de juro, TAE, e as penalizações de cancelar o depósito antes do prazo previsto. Para saber se vale mesmo a pena cancelar o depósito ou em último caso, esperar que termine o prazo para você ter o dinheiro de volta e os juros.

Cancelamento antecipado de um depósito a prazo

O que diferencia os depósitos a prazo de uma conta bancária corrente é que são comercializados segundo um prazo, e por isso, não é possível usar o dinheiro durante esse prazo. Esses prazos podem ser de um mês, três meses, um ano, cinco anos, entre outros.

Os mais comuns são os que distribuem juros durante o prazo de um ano ou mais, já que os aforradores procuram por depósitos de médio prazo. Inclusive um ano pode parecer uma eternidade para muitas pessoas, que necessitam de dinheiro para imprevistos ou para pagar dívidas, e podem ter que cancelar o depósito para fazer face às despesas. Esta operação não é grátis e existem vários tipos de penalização por cancelamento antecipado do depósito. Os mais comuns são:

  • Comissão de cancelamento sobre os juros pendentes – A entidade financeira vai aplicar uma comissão sobre os juros pendentes para pagamento, tendo em conta o prazo em falta para o vencimento.
  • Baixa dos juros – Em caso de cancelamento antecipado, algumas entidades optam, por baixar os juros, independente do tempo que já passou. Embora falte só um dia para o vencimento do depósito, a entidade pode ter uma cláusula que diga que se reembolsar antes do tempo os juros, a TAE poderá ser reduzida de um valor X para um valor Y
  • Depósitos sem penalização por cancelamento antecipado – São pouco comuns, mas existem. Normalmente possuem uma taxa de juros baixa, no entanto não incluem uma penalização pela retirada antecipada do dinheiro.