Membros “TENTAM” recuperar dinheiro no escritório GETEASY

Publicado a 31 Janeiro 2015

Escritório de Lisboa da fraude GetEasyVítimas da Geteasy todos os dias visitam o escritório Geteasy para recuperar o dinheiro prometido. Cuidado com as mentiras que usam para meter ainda mais dinheiro no golpe!

Com o fim da Geteasy e o nascimento da iGetmania… e também da VIC (o golpe do António Loios), muitos membros desta fraude multinível finalmente já perceberam que perderam todo o dinheiro virtual que têm no Backoffice e nunca vão receber o retorno prometido.

Muitos membros venderam coisas que tinham para investir milhares de euros neste golpe, enquanto outros membros arriscaram ainda mais e pediram dinheiro emprestado para entrar no golpe. Apesar de termos avisado desde o início para esta fraude multinível, muitas pessoas ignoraram e agora… perderam tudo ou quase tudo! Quem lhe meteu no golpe vai inventar que o Marketing Multinível é assim, mas a verdade é que isto não tem nada de multinível, é um esquema em pirâmide, onde os novos “investidores” alimentam a pirâmide e os antigos “investidores” recebem esse dinheiro… até colapsar.

Como já seria de esperar, empatar as vítimas não funciona por muito tempo e… as vítimas acabaram por exigir o que foi prometido. Geteasy não cumpriu e agora tem que enfrentar as consequências. É triste ver que depois desta fraude, existem pessoas que ainda vão acreditar nas mentiras e alimentar os esquemas VIC e iGetmania. Aqui fica uma das muitas fotos do escritório da Geteasy:

Membros visitaram escritório da Geteasy Lda/Absolut League Lda para pedir explicações

Membros visitaram escritório da Geteasy Lda/Absolut League Lda para pedir explicações

As vítimas também fizeram denúncia na Polícia de Tiago Fontoura, António Loios, Pedro Mira Godinho e de outros aldrabões, que usaram-se deste esquema para burlar milhares de pessoas em todo o mundo.

Para quem ainda tem dúvidas, vamos explicar como funcionava a fraude Geteasy. É muito simples! Este golpe funcionou desta maneira:

  1. Novos participantes investiram dinheiro nos pacotes Gettracker, Getmusic ou Getcoin acreditando na promessa de dinheiro fácil e na existência de negócio real. Todos os pacotes eram produtos fachada! O que interessava era o dinheiro a entrar no esquema em pirâmide.
  2. Os participantes eram incentivados a recrutar novos participantes… mesmo sem existir um negócio real por detrás que comodatava os geolocalizadores. O esquema prometia comissões maiores e prémios, como relógios Rolex, viagens, Ferraris, Casa e Barras de Ouro aos maiores aldrabões.
  3. As contas bancárias tinham milhões de euros. Os donos do esquema começaram a ter uma vida cheia de luxos, com viagens de luxo, relógios de marcas de luxo, Ferraris, Lamborghinis, Mercedes-Benz, Casas e outros bens usando o dinheiro das vítimas. Tudo do bom e do melhor!
  4. Com o fim da Telexfree a 1 abril 2014 entrou muitas pessoas na pirâmide Geteasy nos três meses seguintes. Foi o início do fim! Foi aqui que começou a colapsar o esquema. Depois dos três meses, que é o tempo que demorava a recuperar o investimento inicial, deixou de entrar assim tantos otários e… colapsou.
  5. Começaram a inventar mentiras, Bancos bloquearam contas e as autoridades começaram a investigar. Com a promessa de dinheiro fácil, sem fazer nada, este esquema começou a ser investigado pela Polícia Judiciária e o Programa Sexta às 9 da RTP1 publicou duas reportagens sobre o golpe Geteasy. O Banco de Portugal alertou para a fraude Geteasy e para ter cuidado com os donos do esquema.
  6. Inventaram a maior fusão do Marketing Multinível, parceria com o IFC Ltd e o Bónus Incentivo. Para dar tempo e justificar a suspensão dos pagamentos, inventaram que fizeram a maior fusão do MMN e ao mesmo tempo criaram uma parceria com o IFC Ltd, uma empresa de fachada apresentada como um grande grupo financeiro, que foi usada para iludir os membros, de forma a pensarem que era o IFC do Banco Mundial. Esse IFC Ltd usa escritórios virtuais em que o número de telefone é redirecionado para a mesma secretária em Londres. O bónus incentivo prometia aumentar ainda mais o rendimento de participar no golpe, mas nunca ninguém recebeu o dinheiro. Foi a única forma que os criadores deste golpe encontraram para as vítimas darem dinheiro real em troca de promessas.
  7. Membros começaram a desistir do golpe e Geteasy pagou a alguns membros de redes de amigos para dar credibilidade. Para continuarem a aliciar novas vítimas e entrar dinheiro no golpe, pagaram alguns levantamentos a membros da rede de amigos. Beneficiaram as redes dos principais cúmplices deles. Eles são os piramideiros Tito Bezerra, Hernani Gonçalves, entre outros. Fizeram meia dúzia de pagamentos e depois ficaram semanas sem pagar… até ao fim de dezembro 2014.
  8. Criaram um novo golpe, iGetmania que era prometido como a grande novidade e ia assumir a dívida…. mas é apenas mais uma fraude que precisa de dinheiro novo. Tiago Fontoura, Michael Herzog e António Loios criaram um novo golpe chamado iGetmania, que prometia 3 fundos e 1 banco de investimento. Antes, na Geteasy, inventaram que os problemas nos pagamentos era dos Bancos e, desta, não vai haver problemas. O novo golpe é um esquema Ponzi, que está disfarçado de ações.
  9. Para criar ainda mais confusão, inventaram desentendimentos e… António Loios criou a VIC. Esta é a mesma manobra da Paymony. Inventaram um desentendimento e esta personagem criou um novo golpe dos comodatos, com o nome VIC e usa o mesmo logo da TachoEASY, a empresa alemã que não tem nada a ver com este aldrabão. Os pacotes de investimento são os mesmos do Gettracker.

É impressionante como depois das fraudes Telexfree, Wings Network, Paymony e outras, ainda muitas pessoas acreditaram nas mesmas mentiras e promessas.

BOA SORTE AOS ALDRABÕES!!