Geteasy NÃO PAGA SALÁRIOS dos funcionários desde Dezembro 2014!

Publicado a 1 Março 2015

fraude GeteasyDepois do golpe Geteasy deixar de pagar o retorno prometido aos afiliados, em dezembro 2014 deixou de pagar salários. Funcionários vão avançar para tribunal!

Pois bem… depois de Tiago Fontoura, Edgar Fontoura, António Loios, Pedro Mira Godinho, Fernando Aragão e outros chico-espertos muito conhecidos terem criado uma das maiores fraudes multinível em Portugal, que foi baseado no golpe do comodato, que nós avisamos a 3 janeiro 2014 com o alerta de fraude Geteasy, hoje apenas restam as memórias de um retorno anormalmente elevado, as mentiras Geteasy e muitas dívidas.

Desde o mês de dezembro de 2014 cerca de 50 colaboradores não recebem o ordenado e ninguém assume a responsabilidade. A desculpa é sempre a mesma! Dizem que o dinheiro está com a Ingenia, aquela empresa fantasma criada na Espanha para pagar as comissões aos cúmplices e membros das redes dos cúmplices. Além de não pagar, não dão os papéis do fundo de desemprego!

Fartos desta situação, os funcionários publicaram na página oficial da Geteasy no Facebook esta mensagem:

Funcionários Geteasy informam que os DONOS deixaram de pagar o ordenado

Funcionários Geteasy informam que os DONOS deixaram de pagar o ordenado

Vale a pena lembrar que esta página no Facebook foi em tempos o principal meio de comunicação usado entre a fraude e as vítimas. Foi a página usada para cultivar o culto!!

Dom João (líder da Igreja Católica Ortodoxa de Portugal) é um dos sócios supostamente envolvidos na Geteasy

Dom João (líder da Igreja Católica Ortodoxa de Portugal) é um dos sócios supostamente envolvidos na Geteasy

Este esquema em pirâmide foi criado por brasileiros em Portugal e tem muitos mais “donos” por detrás do que se conhece. Dom João (chefe da Igreja Ortodoxa) também está por detrás!! Usaram várias empresas fantasma, prometiam dinheiro fácil e esconderam bem o dinheiro das vítimas.

No reportagem do Programa Sexta às 9 da RTP1 com Dias Ferreira, o advogado que foi usado para dar reputação ao esquema na visita à falsa fábrica de baterias elétricas de 800km de autonomia, o nome de Dom João I é mencionado várias vezes:

A fraude Geteasy rebentou em dezembro de 2014! Depois disso, ainda tentaram relançar o golpe iGetmania, com a mesma promessa de comodato de geolocalizadores, lâmpadas LED e outros produtos fachada… mas rebentou a 31 janeiro 2015 e começaram as novas estratégias para fugir das promessas:

  • António Loios inventou um desentendimento e no início de fevereiro 2015 lançou o golpe VIC. É uma cópia da Geteasy, com uma empresa de fachada nos Emirados Árabes Unidos e conta no Dubai.
  • Tiago Fontoura desistiu poucos dias depois, a 10 fevereiro 2014, para lançar uma nova fraude com os seus amiguinhos Edgar Fontoura, Pedro Mira Godinho e Fernando Aragão. Parece que Dom João também está nesta! Primeiro foi apresentada como GoUP, mas depois mudaram nome para Go2UP.