GetEasy, iGetmania e VIConcept VIOLAM lei no Canadá

Publicado a 3 Maio 2015

Alerta AMF da Fraude Geteasy e iGetmaniaA Autorité des Marchés Financiers (AMF) publicou um comunicado sobre a GetEasy, iGetmania, IFC Ltd e a VIConcept. Tudo sobre as medidas tomadas por esta autoridade do Canadá!

A AMT é a autoridade responsável por regular os mercados financeiros e dar assistência aos consumidores de produtos e serviços financeiros no Quebec, Canadá.

Em janeiro de 2015, a AMF publicou um alerta de investimento sobre a iGetmania. Este aviso teve como objetivo alertar os investidores locais para as empresas GetEasy Lda e iGetmania Limited.

Além de emitir um alerta, a AMF também processou a GetEasy, iGetmania, International Finance Corporation Ltd e a TachoEasy Middle East FZC. Esta ação pedia que as empresas anteriores a cessar e desistir de operar, até que fossem tomadas medidas para tornar o modelo de negócio legal.

Disfarçado com o comodato de geolocalizadores a clientes que não existem, a GetEasy e a iGetmania aceitavam a entrada de dinheiro, com a promessa de um retorno anormalmente elevado. A AMF analisou ao pormenor como funcionava este esquema:

GetEasy illegally offered to the public:

-subscribe via the Internet to one of their “packs of participation” (hereinafter “packs”) to finance and share the profits associated with its particular Geolocators rental activities;

-to recruit two other people, which will in turn be encouraged to recruit two other people and so on (hereinafter the “Member Program”);

iGetMania illegally offered to the public:

-to invest by purchasing a “pack” (hereinafter “Packs Units”) to finance and share the profits Geolocators particular related to its leasing activities;

-to recruit two other people, which will in turn be encouraged to recruit two other people and so on.

TachoEasy Middle East offers illegally to the public:

-to invest in the scheme Valuable idea concept (hereinafter “Vic”) by acquiring “pack of produits” (hereinafter”products Packs”) to get commission of the revenue generated by the products Packs;

-to recruit two other people, which will in turn be encouraged to recruit two other people and so on.

IFC illegally practicing business as an adviser;

The Members Program, the Investor Program and the Program Vic constitute investment contract as defined inthe Securities Act, RLRQ, c. V-1.1 (hereinafter the “SA”).

Este alerta é interessante, porque já identifica a TachoEasy Middle East FZC como VIConcept, o esquema lançado por um dos cúmplices no anterior golpe e que ao mesmo tempo era apresentado também como Vice-Presidente do IFC Ltd.

A AMF começou a investigar a GetEasy por volta de julho 2014, por isso tiveram tempo para analisar como funcionava este esquema em pirâmide. Os documentos do tribunal indicam que a AMF começou a investigar, depois de receber uma denúncia anónima a 24 julho 2014.

Como parte desta investigação, assistiram a uma das muitas conferências online:

A 11 setembro 2014, o investigador assistiu a uma videoconferência da GetEasy realizada por dois membros Franceses, Eric Mercier (” Mercier “) e Catherine Techer (” Techer “) usando o link e uma password.

Durante essa videoconferência, Mercier explicou aos participantes o Plano de Compensação:

Mercier explicou o seguinte:
– Membros não têm um produto para vender em troca de um rendimento;
– Para participar no Plano de Compensação GetEasy basta investir;
– É uma oportunidade de triplicar o investimento inicial num ano;
– GetEasy tem contratos de 48 meses com empresas;
– É garantido que os membros recebem 50% do lucro dos geolocalizadores durante 12 meses;

Durante a videoconferência Mercier falou aos Membros como investidores ou parceiros de investimento.

A AMF apresentou várias provas a 12 março e, no dia 20 o Tribunal tomou a decisão:

The AMF has, through the testimony of its investigator, presented extensive and detailed evidence of the charges against the respondents.

An analysis of the information provided by the respondents on the above websites, conducted as part of the investigation of the Authority, would demonstrate the existence of three pyramidal investment schemes.

The investigation by the Authority revealed that more than a hundred investors in Quebec have already succumbed to the illegal activities of the respondents.

In light of this evidence, it appears that the respondents (are) violating sections 11 and 148 of the Securities Act.

FOR THESE REASONS, the decision and review Bureau welcomes this request of the AMF.

A decisão favorável à AMF obriga a GetEasy, iGetmania, IFC Ltd e a TachoEasy Middle East FZC (VIConcept) a:

  • Cessar qualquer atividade de investimento.
  • Cessar o recrutamento.
  • Bloquear o acesso dos sites intfico.com, intfico.org, nurdug.org, teraag.com e viconcept.net a qualquer endereço IP do Quebec, para prevenir que todos os residentes no Quebec não consultem esses sites.
  • Não aceitar novos investimentos de residentes no Quebec.

Depois do fim da iGetmania, nunca mais ouvimos falar no IFC Ltd e no Michael Herzog. Provavelmente está escondido ou a dar outro golpe.

As más notícias é que, mesmo após a GetEasy ter sido um dos maiores esquemas em pirâmide criados em Portugal, a justiça foi incapaz de bloquear este esquema e

Infelizmente, mesmo depois de burlarem milhares de pessoas, os donos e cúmplices GetEasy já montaram o seu novo esquema. Os novos esquemas são a Go2UP (de Tiago Fontoura), a VIConcept (de António Loios) e a Empire MLM (onde Hernani Gonçalves é apresentado como líder).

A cópia da decisão favorável à AMF, incluindo o sumário da queixa inicial, podem ser encontrados no SOQUIJ (um site canadense que publica decisões do tribunal). Pode encontrar aqui o link alternativo em PDF.