Ator do CSI Gary Dourdan na Falência

Publicado a 16 Junho 2013

Você sabia que o antigo ator do CSI Las Vegas Gary Dourdan está na falência? Conheça melhor a história deste ator que passou de milionário a falido por causa de uma série de vícios.

Este é um exemplo como qualquer pessoa pode entrar na bancarrota. Os atores, empresários e pessoas normais, com um emprego fixo, nenhuma delas está livre de declarar falência. Foi isso que aconteceu com Gary Dourdan, estrela da série de TV CSI: Las Vegas, que entrou em falência e neste momento está a fazer presenças como DJ para ganhar um dinheiro extra para conseguir pagar todas as suas dívidas.

O ator Gary Dourdan alegou em tribunal que tinha pouco mais de 1.8 milhões de dólares em ativos e que deve aos seus credores um total de 1.73 milhões de dólares. Grande parte da sua dívida – no valor de 1.689.704 milhões de dólares, pertence a vários bancos, incluindo o Union Bank, onde Dourdan tem a hipoteca da sua casa, que está com pagamentos em atraso.

A vida de Gary Dourdan deu uma reviravolta radical na última década. No ano de 2000 começava o seu sucesso numa das séries de maior sucesso nos EUA: CSI Las Vegas. Durante oito anos foi o detetive Warrick Brown. Contudo, os seus vícios e o caminho mal escolhido obrigaram-no a sair das filmagens.

Gastou a maior parte do seu dinheiro em álcool e drogas, dois vícios que acabaram com a sua carreira profissional e que agora levaram-lhe à bancarrota. Gary, que foi detido com várias substâncias proibidas, assegura que agora sobrevive com 300 dólares mensais.

De acordo com uma auditoria do tribunal aos seus bens e passivos o ator tem entre os seus ativos, 3 mil dólares numa conta bancária, 4 mil dólares, 200 dólares em livros, 1500 dólares em roupa, 500 dólares em relógios, e um Dodge Charger de 2006 valorizado em 7 mil dólares. Dourdan assegurou que tem vários projetos futuros que o vão ajudar a pagar as dívidas, que ascendem a 14.562 dólares por mês, que levam a maior parte dos seus rendimentos.